Partilha de emoções e sabores. Ideias e escapes, do coração para a cozinha. De mim para voçês.
Novembro 2015
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
23
24
25
26
27
28
29
30
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Posts mais comentados
4 comentários
3 comentários
1 comentário
01
Mai
13

 

85gr de açúcar em pó ou pulverizado na Bimby

100gr manteiga

1 ovo

250gr de farinha tipo 55

2 c. sopa canela

1 c. chá de gengibre em pó

1 c. chá fermento

 

Pré-aquecer o forno a 180ºC.

Adicionar a manteiga e o ovo ao açúcar. Mexer bem. Juntar a farinha, a canela, o gengibre e o fermento.

Estender a massa com o rolo e cortar as bolachas a gosto. Levar ao forno cerca de 8-10 minutos.

 

PS: Usei gengibre ralado no momento, porque tinha em casa

publicado por susana às 17:36
20
Mai
12

300gr de farinha

125gr de açúcar amarelo

1 colher chá fermento em pó

1 colher chá canela em pó

1 colher sobremesa erva-doce

130ml azeite

3 ovos inteiros

1 gema para pincelar

 

Juntar a farinha, o açúcar, o fermento, a canela e a erva-doce numa taça e abrir uma cavidade no meio.

Aquecer o azeite bem quente, deitar sobre a farinha e mexer bem.

Juntar ao preparado os ovos bem batidos. Fora da taça, bater a massa com as mãos. Moldar a massa em forma de ferradura e pincelar com a gema de ovo antes de ir ao forno.

Cerca de 15 minutos a 180ºC.

publicado por susana às 19:42
12
Mai
12

 

 

2 claras

225 gramas de açúcar

raspa de um limão

1 colher de chá de canela

250 gramas de miolo de amêndoa

açúcar em pó, para polvilhar

 

Bater as claras em castelo e adicionar o açúcar de forma gradual e lenta.

Juntar a raspa do limão, a amêndoa e a canela, até obter uma mistura homogénea.

 

Polvilhar as mãos com o açúcar em pó e formar biscoitos ovais, que vão a cozer cerca de 25 minutos a 180ºC.

 

Degustar.  

publicado por susana às 19:15
07
Abr
12

300g farinha

50g custard powder

150g manteiga amolecida

100g açúcar em pó

2 gemas

20ml leite

gema para pincelar

chocolate q.b.

 

Ligar o forno a 180ºC.

Juntar todos os ingredientes e misturar até obter uma massa homogénea.

Colocar a massa em película aderente e levar ao frigorífico durante 30 minutos.

Estender a massa numa superfície com farinha, com cerca de 5mm de espessura, e fazer os recortes com as formas para bolacha.

Colocar as bolachas num tabuleiro, forrado a papel vegetal.

Pincelar com gema e levar ao forno durante 12 minutos.

Derreter o chocolate e molhar metade da bolacha, colocando as bolachas em cima de papel vegetal para o chocolate voltar a solidificar.

 

A receita veio daqui. Acreditem que podem bem ser, confundidos com os húngaros da pastelaria. Os meus filhos dizem que são iguais e neles acredito. Há muito que procurava esta receita e não descansei enquanto não experimentei.

Parece que o segredo está no pouco tempo de cozedura e no uso do custard powder.

Encontram no continente ao pé das farinhas. Tem um aroma delicioso a baunilha e foi a primeira vez que a utilizei.

Estas bolachinhas são fantásticas! Vão a correr experimentar, vale mesmo a pena! Muito saborosos! 

publicado por susana às 15:27
05
Mar
12

Quando o moreno era pequeno, por altura dos Santos, eram os mais velhos que coziam as broas no forno a lenha.

No Seixo, rua abaixo, rua acima, batiam às portas e repetiam vezes sem conta a mesma lengalenga.

Bolinhos, bolinhos, à porta dos santinhos!

Ás vezes recebiam castanhas, outras vezes pedaços de broa e com muita sorte, rebuçados.

O saco de serapilheira vinha cheio de coisas boas. Ás vezes era preciso ir a casa despejar o saco, porque as oferendas eram muitas, numa época de pouca abundância. E naqueles dias tiravam a barriga de misérias.  

E hoje é ele que nos faz estas broas, com muito prazer, com o maior agrado.

Lembranças de pedaços de infância tão aromáticas como uma colher de erva doce e canela.

 

 

 

1 kg de batatas

1 kg de farinha sem fermento (tipo 65)

800 gr de açúcar

3 colheres de sopa bem cheias, de canela

4 colheres de sopa bem cheias, de erva-doce moída

5 ovos

frutos secos (uvas passas e nozes)

2 colheres de chá de fermento em pó

 

Cozem-se as batatas em agua e sal e resumem-se a puré depois de cozidas.

Juntar o açucar, a canela, a erva-doce e misturar bem, até obter uma massa homogénea, que só se consegue colocando as mãos na massa, literalmente. Misturar por fim a farinha e os ovos até obter um preparado consistente. Juntar os frutos secos.

Com as mãos fazem-se pequenas bolas, bem polvilhadas com farinha e pinceladas com ovo.

Vão ao forno cerca de 25 minutos a 180º. 

publicado por susana às 20:48
23
Fev
12

 

Mais um desafio da Laranjinha, que decidi abraçar. O ingrediente base escolhido, para comemorar os seis anos de um Blog tão doce como o "Cinco quartos de laranja", foi a própria laranja.

 

Foi difícil a escolha da receita, até porque gostava de inovar ou como quem diz, inventar.

 

E as bolachas foram a minha primeira opção, até porque tenho cá em casa dois monstros das bolachas.

 

E quando separei os ingredientes e me deparei com as uvas passas, achei que aquele casamento podia dar certo.

 

Humedecidas em sumo de laranja e o resultado não poderia ter sido melhor. Umas broinhas bem húmidas e suculentas.

 

De comer e chorar por mais!

 

   

550 gramas de farinha

120 gramas de açúcar

180 gramas de manteiga amolecida

sumo de duas laranjas

4 gemas

 

Junta-se a farinha com o açúcar, acrescenta-se a manteiga e mexe-se.

Por fim juntar o sumo das laranjas e as gemas.

Amassar bem com as mãos, até obter uma massa homogénea.

Entretanto envolver 100 gramas de uvas passas sem grainhas em sumo de laranja, para que estas absorvam o líquido.

 

Com as mãos, formar pequenas bolas, onde se colocam bem no meio, algumas uvas previamente humedecidas com o sumo.

 

Levar a forno quente cerca de 20 minutos. 

 

Degustar com uma chávena de chá, de flor de laranjeira!

publicado por susana às 21:49
13
Fev
12

Brigadeiros

A pensar no dia dos namorados. Um brigadeiro sabe sempre a pouco e depois do primeiro apetece outro e outro e outro.

Assim como os beijos doces e apaixonados de todos os namorados.

A receita é da Bimby, mas podem adaptar ao fogão, sempre de olho bem aberto, com a máxima atenção, sem parar de mexer, em banho Maria, para não queimar. Mas não deixem de experimentar. E amanhã, que tal oferecer um brigadeiro?

 

Uma lata de leite condensado

40 gramas de manteiga

20 gramas de chocolate em pó

 

Junte todos os ingredientes no copo e programe 12 minutos, temperatura varoma, velocidade 4.

Retire para um recipiente untado com óleo e deixe arrefecer.

Faça pequenas bolas, envolva em granulado de chocolate e coloque em formas de papel.

Bom apetite! 

publicado por susana às 21:44
mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
últ. comentários
2 colheres de sopa de canela?
Estou a fazer estas ferraduras mas tive de por mai...
Olá Susana,aos anos que não como camarinhas! Que s...
Muuuiito bom aspecto... :)
Ainda há uns dias atrás andava à procura de uma re...
É de facto um casamento perfeito e que eu adoro, m...
Ficaram com óptimo aspecto Susana :) nham nham! É ...
http://chocolatviolet.blogs.sapo.pt
Olá sou a Alexandra e comecei um blog há pouco tem...
Olá Susana, ficaram giros... bjs
blogs SAPO